Você acha ir à um Sex Shop um tabu? Então leia isso…

Todas as pessoas, independentemente de sua opção sexual, sentem desejo e necessidades de despertarem as suas fantasias. Então, quando ouvem falar de sex shop, presentes em tantos lugares e também no mundo virtual, logo aguçam a sua curiosidade para saber o que realmente é um e o que eles podem oferecer em termos de novidades e prazer.

Mas na contramão dos desejos e curiosidades aparecem logo os pudores e principalmente aquelas pessoas que ainda não estão bem familiarizadas com tudo o que faz parte do mundo do prazer se sentem constrangidas só em se imaginar entrando em um endereço desses onde há uma variedade de ideias e produtos que podem mudar totalmente a sua concepção sobre relações sexuais dentro de um ambiente em que tudo é permitido no que se refere a busca de coisas que possam apimentar o seu prazer.

O que há de tão especial em um sex shop?

Em uma loja de sex shop tudo vai se tornar muito especial pois desde o mais simples objeto ao mais exótico tudo foi pensado, produzido e preparado para inspirar ainda mais os amantes do prazer que vivem em busca de aventuras e de motivos que possam lhes oferecer sugestões para a realização de suas fantasias. Mesmo pessoas que nunca experimentaram certos tipos de prazer serão surpreendidas ao entrar em algum sex shop isso pela variedade de ideias que fazem parte deste ambiente erótico.

Uma loja de sex shop tem como foco principal a vida intima das pessoas que buscam o prazer e por isso serão sempre muito bem montadas com uma estrutura que possa ir de encontro a necessidade de seus clientes e isso vai desde as novidades do mercado até a escolha de funcionários que são orientados para fazer com que os seus clientes se sintam em um ambiente seguro e confortável e também muito á vontade para falar de suas necessidades e escolher algum tipo de produto de forma bem natural.

Quais são os principais tabus em relação a um sex shop?

Mesmo com toda essa estrutura os tabus em relação aos sex shops são muitos pois a cada sugestão apresentada nem todos estão habituados a certas ousadias naquilo que se refere a vida sexual. Hoje em dia existe ideias bem resistentes de serem absorvidas por parte de algumas pessoas e também a vontade dos lojistas de divulgarem e venderem os seus produtos.

O exemplo disso é que até a alguns anos atrás o público masculino era bem mais conservador em relação a certas práticas no universo sexual mas no momento atual por conta da liberdade sexual, a quantidade de informações que são passadas de forma muito mais rápida com a força da internet novas tendências são encaradas de forma muito mais natural por esse tipo de cliente que muito mais descontraído aceita desde cremes que prolonguem o prazer até objetos que possam ser introduzidos na região anal. Isso independe do sujeito se auto considerar heterossexual, bissexual ou homossexual.

A internet que facilita a propagação de sites eróticos, canais de vídeos, sites com informações sexual seja no campo do prazer ou da medicina onde sexólogos, urologistas, ginecologistas e outros profissionais da área tem toda a liberdade para trazer explicações detalhadas de como as pessoas devem moldar os seus corpos e trabalharem o organismo para cada vez mais terem a sensação do prazer sexual também fazem com que um novo perfil relacionado a sexualidade seja desenhado.

Isso faz com que aconteça uma quebra de tabus em relação aos sex shops que também estão de olhos bem abertos em tudo isso que possa lhes trazer uma clientela maior e consequentemente o aumento de seus lucros.A indústria do sexo não está apenas nos remédios que solucionam problemas de impotência, aumentam o desejo sexual ou oferecem produtos que possam apimentar ainda mais o prazer mas também sugestões que possam aproximar pessoas sedentas da realização de suas fantasias.

Muitas das lojas de sex shop hoje em dia não ficam apenas em suas vitrines ou em um balcão mas se estendem aos fundos onde o público masculino tem a oportunidade de conhecer e se relacionar com outras pessoas em ambientes muito discretos porém bem agradáveis com iluminação especial, músicas e aperitivos. Essas lojas são as famosas sex roses que traduzindo quer dizer: rosas do sexo.

Quais são os pudores de homens e mulheres em relação a um sex shop?

Segundo estimativas a clientela dos sex shops comuns que não possuem nenhum tipo de intensão é de 70% mulheres mas isso são apenas estimativas da Associação Brasileira da Empresa do Mercado Erótico. Isso significa que essas mulheres ainda não adentraram em uma dessas lojas por timidez e a falta de informações sobre os produtos eróticos. Elas não conhecem tais produtos e por isso sentem vergonha de se pronunciarem aos balconistas com medo de serem mal interpretadas por eles.

Outro fator que contribui bastante para que mulheres não frequentam uma loja de sex shop é o medo da opinião de seus parceiros, homens que por acharem que mulheres que precisam de objetos e acessórios que possam aumentar o seu prazer na cama podem ser vistos como parceiros que não estão satisfazendo os desejos de suas mulheres e abandoná-las por isso. Essa é uma realidade já que poucos homens reconhecem que alguns objetos eróticos podem despertar muito mais fantasias e prolongar o prazer.

Como resolver a questão de tantos tabus?

Os tabus em relação a um sex shop está associado ao preconceito de cada um e o que alimenta um pouco mais essa tese é que homens jovens se sentem mais a vontade para frequentá-los mas mesmo assim se você observar eles sempre vão acompanhados de um ou vários amigos para que a visita a uma loja dessas seja interpretada como zoação mesmo quando escolhem um produto que demonstra logo de cara a sua utilidade.

Os mais velhos tentam disfarçar o tempo todo, contam histórias mentirosas que possam justificar a compra de um determinado produto e se esforçam o máximo para parecerem bem tranquilos no momento da compra mas na verdade estão morrendo de vergonha.

Já as mulheres são mais corajosas quando decidem enfrentar todos os seus pudores mas fingindo estar a procura de um produto menos comprometedor logo escolhe aquele que era o seu objeto de desejo.

Tudo isso só demonstra o preconceito de cada um e o medo de ser visto como frequentadores de um ambiente erótico mas, se você como homem ou mulher sentem curiosidade em relação a uma loja de sex shop, independente da sua opção sexual o que você deve fazer antes de tudo é conversar com o seu parceiro ou parceira sobre o assunto. Um bom diálogo pode derrubar muitos tabus e uma pesquisa detalhada na internet pode lhe ajudar muito a perder toda a timidez em relação a isso.

Em uma loja de sex shop você nunca vai encontrar atendentes constrangedores que vão lhe deixar ainda mais envergonhado por estar ali buscando qualquer tipo de produto. Além disso os espaços são sempre seguros, você vai poder perguntar o que achar necessários antes de optar por alguma coisa, existem todos os tipos de produtos para o seu prazer, e os sex shops são estruturados para todos as pessoas independentes de sua cor, raça, idade, condição sexual e etc.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×

Carrinho